Do Mais Brasília

Criança sobrevivente do ataque a creche em SC recebe alta no Dia das Mães

Equipe médica presta homenagem na saída do hospital. Mãe fez publicação nas redes sociais em que agradece a ajuda de todos: “Dia das Mães mais feliz da minha vida”

O bebê de 1 ano e 8 meses que sobreviveu ao ataque a uma creche em Saudades (SC) recebeu alta médica neste domingo (9/5). Na saída, profissionais de saúde do hospital prestaram uma homenagem à criança e à família.

Balões, músicas e um certificado de “super herói” aguardavam pelo bebê no corredor de saída do Hospital da Criança de Chapecó, no Oeste Catarinense. O momento foi registrado pelo próprio centro médico. O menino saiu no colo dos pais.

Nas redes sociais, a mãe do bebê, Adriana Martins, agradeceu por ter recebido o filho de volta com vida. “Dia das mães. Dia mais feliz da minha vida. Nasceu pela segunda vez, foi um milagre. Deus o protegeu e devolveu com vida e hoje tenho em meus braços o presente que dinheiro nenhum pode pagar. A palavra é gratidão hoje e sempre é agradecer, agradecer e agradecer a Deus e a todos que não mediram esforços para salva-lo”, escreveu.

Durante o ataque o bebê teve ferimentos na bochecha, lábios, barriga e chegou a ter um dos pulmões perfurados. Nos últimos quatro dias, a criança passou por cirurgia e ficou em observação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital em Chapecó.

O ataque

Na última terça-feira (4/5), Fabiano Kiffer Mai, 18 anos, invadiu a escola Pró-Infância Aquarela. Armado com uma espada e um outro facão. Ele atacou uma professora na entrada da escola e uma agente educacional. Depois, seguiu para uma sala e feriu quatro crianças. Três delas morreram.

Segundo informações do suspeito, ele planejou o crime por 10 meses. O homem tentou se matar e está internado em hospital sob custódia policial.

Ao todo, cinco pessoas morreram no ataque com golpes de facão, sendo três crianças, uma funcionária da creche e uma professora.