Do Mais Brasília

Em Viçosa (MG), idoso toma quatro doses de vacina contra a Covid-19

Homem recebeu duas doses da Coronavac, em Viçosa, uma da Astrazeneca, na cidade do Rio de Janeiro, e a última da Pfizer, também em Minas Gerais

Goiás vacina mais de 82 mil moradores do DF contra Covid-19
Divulgação/SES GO

Um idoso de 61 anos tomou quatro doses de vacina contra a Covid-19. Três delas ocorreram no município de Viçosa, em Minas Gerais e uma no Rio de Janeiro. A informação foi confirmada pela Prefeitura de Viçosa, por meio da Coordenação do Setor de Atenção Primária em Imunizações nessa quarta-feira (7/7).

Segundo a Prefeitura, a descoberta sobre o ocorrido se deu após o idoso, no dia 25 de junho, abordar a equipe de imunização alegando ter 61 anos e ter perdido sua data correta de vacinação. Após a aplicação do imunizante e conferência de dados, foi constatado que o mesmo havia tomado duas doses da Coronavac, em Viçosa, uma da Astrazeneca, na cidade do Rio de Janeiro, e a última da Pfizer, também em Minas Gerais.

A Procuradoria Geral e o Ministério Público foram acionados para a tomada de medidas de cunho cível, administrativo e criminais. Em nota, a Prefeitura afirmou que “está agora dando total suporte ao caso, para que todas as providências necessárias sejam tomadas em consonância com os princípios da legalidade”.

A Prefeitura também afirmou que repudia veementemente a atitude do homem e ressaltou que qualquer cidadão que tomar mais de duas doses de imunizantes contra a Covid-19 está sujeito a implicações previstas em lei.

Sobre as vacinas, a equipe de imunização do município afirmou que a pessoas que quiser escolher qual vacina tomar terá que assinar um termo de consentimento abrindo mão de sua vez na vacinação.