FolhaPress

Família reconhece corpo de piloto de avião desaparecido, diz IML

A aeronave perdeu contato com o radar por volta das 21h

O corpo encontrado ontem na região de buscas pelo avião bimotor que caiu entre Ubatuba (SP) e Paraty (RJ) é o do piloto Gustavo Carneiro, segundo informou o IML (Instituto Médico Legal) de Campo Grande, na zona oeste da capital fluminense. A mãe e a namorada de Gustavo compareceram ao IML para o reconhecimento do corpo.

Criado em Corumbá (MS), ele se mudou para o Rio de Janeiro em 2018, onde trabalhava em uma empresa de instrução aérea. Sua última localização identificada nas redes sociais foi o Aeroporto dos Amarais, em Campinas, na manhã de quarta-feira (24).

De lá, ele decolou por volta de 20h30, com destino ao aeroporto de Jacarepaguá, no Rio, acompanhado do copiloto, José Porfírio Júnior, de 20 anos, e de um passageiro que ainda não foi identificado.
A aeronave perdeu contato com o radar por volta de 21h. Os primeiros a acionarem as autoridades foram os familiares de José, que acompanhavam o trajeto do voo pela internet.