Do Mais Brasília

Homem diz que jovem de 15 anos morreu após sexo, em São Paulo

Rapaz de 26 anos levou Gabrielly Dickson ao hospital e disse que estava saindo com ela. Polícia Civil está investigando a morte

Homem diz que jovem de 15 anos morreu após sexo, em São Paulo
Gabrielly Dickson Alves Nascimento. Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Estado de São Paulo investiga a morte de uma menina de 15 anos. Gabrielly Dickson Alves Nascimento foi levada ao hospital por um homem, de 26 anos, que estava saindo com a jovem. A vítima deu entrada na UPA Jardim Casqueiro, em Cubatão, com parada cardiorrespiratória.

Segundo a apuração dos policiais civis, a adolescente morreu às 1h20, na Rua Vereador Sônio Célio, no Parque São Luís. A corporação foi acionada por meio do Centro de Operações da Polícia Militar (Copom) com a informação de que Gabrielly teria sido vítima de agressão física provocada pelo companheiro.

Ao chegar no local, enfermeiros da UPA Jardim Casqueiro relataram aos civis que a jovem não apresentava sinais de agressões no corpo.

De acordo com o G1, a família da menina não tinha conhecimento da estudante ter nenhuma doença pré-existente ou relacionamento com o rapaz que a levou para atendimento médico.