FolhaPress

Homem que realizava cirurgias sem formação é preso em SC

Suspeito era conhecido como Madre Catarina e se dizia médium

Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Policia Civil de Santa Catarina prendeu na última sexta-feira (19) um homem que se passava por freira e realizava procedimentos clínicos e cirúrgicos, sem a devida formação técnica, nos municípios de Timbó, Blumenau e Ibirama, no Vale do Itajaí.

O suspeito era conhecido como Madre Catarina e se dizia médium. Ele se vestia de freira e divulgava os vídeos de alguns dos procedimentos em um canal nas redes sociais. Em um desses vídeos, a suposta freira aparece retirando um cálculo renal de um cliente.

Nos atendimentos, além de pequenas cirurgias, o homem e seus ajudantes se utilizavam de elementos religiosos para prometer cura de doenças.

A investigação, realizada pela Delegacia de Polícia Civil da Comarca de Timbó, constatou que cada atendimento custava R$ 100, sendo que a “cirurgia” custava R$ 300.

No total, quatro mandados de busca e apreensão foram cumpridos pelas delegacias de Timbó e de Indaial, pela 2ª Delegacia de Polícia de Blumenau e pelo Núcleo de Inteligência da Delegacia Regional de Blumenau.

A polícia apreendeu a roupa usada pelo homem e pertences que eram utilizados nos procedimentos, além de R$ 2.850 em dinheiro.

Os investigadores pedem que quem tiver mais informações sobre a atuação do grupo procure a polícia civil dos municípios.