Do Mais Brasília

Abertas as inscrições para a seleção emergencial de profissionais da saúde

Ao todo serão disponibilizadas 220 vagas imediatas, mais formação de cadastro reserva

Médicos fazem treinamento no hospital de campanha para tratamento de covid-19 do Complexo Esportivo do Ibirapuera.

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo simplificado emergencial para contratação temporária de profissionais da saúde de nível superior e técnico. Ao todo serão disponibilizadas 220 vagas imediatas, mais formação de cadastro reserva.

De acordo com a Secretaria de Saúde abriu, o objetivo da seleção é reforçar o atendimento aos pacientes com Covid-19. Para se inscrever, o candidato deve entrar no site do Instituto AOCP e preencher os dados pessoais.

Serão nomeados 50 médicos da família e comunidade, 70 enfermeiros e 100 técnicos de enfermagem. O candidato deverá anexar ao formulário de inscrição o currículo, diploma e documentação original comprobatória de titulação e experiência profissional, além de um laudo médico, se necessário comprovar alguma condição clínica, conforme as orientações no site.

Os selecionados prestarão assistência direta aos pacientes – especialmente os acometidos pela Covid-19 – pelo período inicial de um ano, sendo prorrogável uma única vez por igual período. A jornada dos profissionais selecionados será de 40 horas semanais. Já a remuneração varia de acordo com a especialidade. Médicos receberão R$ 12.654,00, enfermeiros R$ 6.110,00 e técnicos em enfermagem serão remunerados em R$ 2.892,50.

Segundo a Saúde, as vagas serão disponibilizadas por Região, mas, os servidores temporários poderão ser lotados em outro local, conforme a necessidade do serviço e designação da Subsecretaria de Gestão de Pessoas.

Contratação temporária

A contratação é temporária, pelo prazo inicial de 12 meses, e segue o disposto na Lei nº 4.266/2008, que trata da contratação por tempo determinado para atender a necessidade temporária de excepcional interesse público, na qual está incluída a assistência a situações de calamidade pública oficialmente reconhecidas pelo Poder Público.