Do Mais Brasília

Com novas doses recebidas nesta quarta (9/6), GDF promete ampliar público-alvo da vacinação

O reforço de mais de 47 mil vacinas da AstraZeneca devem contribuir para imunizar outras faixas etárias

O Governo do Distrito Federal (GDF) recebeu nova remessa do Ministério da Saúde com vacinas contra a Covid-19 nesta quarta-feira (9/6). Diante disso, a promessa agora é a de reforçar as campanhas em andamento, além de ampliar o público-alvo em geral.

Nesta manhã, chegaram 47.250 doses da AstraZeneca produzidas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) ao DF. O Ministério direcionou este lote de vacinas, além do que foi recebido da Pfizer na última segunda-feira (7/6), para atendimento dos grupos com comorbidades e pessoas com deficiência permanente, trabalhadores de Educação do Ensino Básico, forças de segurança e salvamento, Forças Armadas e funcionários do sistema de transporte aeroportuário.

“As doses chegam acompanhadas de uma nota técnica enviada pelo Ministério da Saúde, com orientações acerca dos grupos prioritários que devem ser atendidos. Depois disso, o Comitê de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 no DF se reúne para discutir a ampliação da vacinação de acordo com as doses que chegam”, explica a chefe do Núcleo da Rede de Frio do DF, Tereza Luiza Pereira.

Além disso, a Secretaria de Saúde afirmou em nota que, com estes lotes recentes, será possível ampliar a faixa etária de vacinação dos brasilienses. No Distrito Federal, até terça-feira (9/6), segundo dados da Secretaria de Saúde, 1.033.616 doses foram administradas, sendo 707.124 como D1 e 326.492 como D2.

Especialistas afirmam que, para buscar uma efetividade concreta da campanha de imunização, é preciso vacinar pelo menos 75% da população.