Do Mais Brasília

Covid-19: DF espera Ministério da Saúde para aplicar dose de reforço em todos adultos

Ministro Marcelo Queiroga ampliou a terceira dose para qualquer pessoa com mais de 18 anos

Vacina de Covid-19
Foto: Breno Esaki / Agência Saúde DF

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) informou, nesta terça-feira (16/11), que seguirá as orientações do Ministério da Saúde para a aplicação da dose de reforço da vacina contra a Covid-19. O anúncio foi feito após o ministro Marcelo Queiroga ter ampliado a terceira dose para qualquer pessoa com mais de 18 anos.

A pasta afirmou que aguardará o recebimento de um ofício com diretrizes do órgão federal para iniciar a aplicação na população com 18 anos ou mais que tomou a segunda dose ou dose única, há pelo menos 5 meses.

“A Secretaria informará com antecedência a data de início da nova estratégia de vacinação para dose de reforço”, alegou a SES-DF em nota.

Mudança

Na manhã desta terça (16/11), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou a ampliação da terceira dose para todos os adultos brasileiros. Além disso, o intervalo da dose adicional passou de seis para cinco meses logo depois de completar o esquema vacinal.

A informação foi divulgada durante o lançamento da campanha de Megavacinação contra a Covid-19. Desde o fim de setembro, a vacina estava sendo aplicada em pessoas maiores de 60 anos, imunossuprimidos e profissionais de saúde.

As diretrizes do Ministério da Saúde sobre a campanha de vacinação servem para orientar estados e municípios, mas não há uma obrigação de seguir o governo federal. Santa Catarina, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e alguns municípios já anteciparam a mudança e reduziram de seis para cinco meses o intervalo para aplicar a dose de reforço.

“Com isso, vamos ter uma cobertura maior da população e evitar o que tem acontecido na Europa”, disse Queiroga.