Da redação
Do Mais Brasília

Criminalista do DF afirma ter sido procurado para negociar rendição de Lázaro

Advogado diz que foi abordado por grupo religioso que estaria representando o assassino

Um advogado criminalista do Distrito Federal afirmou, nesta terça-feira (22/6), que teria sido procurado por representantes de Lázaro Barbosa para negociar uma suposta rendição após 14 dias de fuga.

A afirmação foi feita em entrevista ao portal Metrópoles. Segundo o advogado, um grupo religioso o abordou, pois estaria representando os interesses do assassino.

“Me especularam se eu tinha condições de garantir a integridade física dele”, afirmou o defensor, que pediu para não ser identificado.

Um pedido de proteção especial com cela separada já tinha sido feito pela Defensoria Pública do DF, nesta segunda-feira (21/6), mas a Vara de Execuções Penais não conheceu a demanda.