Do Mais Brasília

DF registra segunda morte por dengue neste ano

De acordo com Boletim Epidemiológico da Secretaria de Saúde, a vítima era um morador de Planaltina. Ao todo, a capital federal tem 4.570 casos prováveis da doença em 2021

Mosquito da dengue no DF
DF registrou a segunda morte por dengue

O Boletim Epidemiológico da Secretaria de Saúde (SES-DF) registrou a segunda morte por dengue no Distrito Federal. O novo óbito pelo mosquito Aedes aegypti é de um morador de Planaltina. Em 2020, a pasta confirmou 19 vidas perdidas para a doença.

Desde janeiro, foram notificados 4.570 casos prováveis de dengue na capital federal. Desse total, 46 casos com sinais de alarme e três graves. Apesar do aumento de registros, o DF teve queda de 81,6% em comparação com o ano passado, quando eram 24.808 notificações.

Em relação às regiões administrativas, Planaltina apresentou o maior número de casos prováveis, com 937 ocorrências. Ceilândia aparece em seguida, com 479 registros; Sobradinho (435); Sobradinho II (369) e Samambaia (231). De acordo com a Secretaria de Saúde, estas cinco cidades apresentaram 2.439 notificações, ou seja, 53,4% do total de casos no DF.

Ainda segundo o boletim, a taxa de incidência da área norte apresentou os maiores índices. A cidade de Sobradinho (611,26 registros por 100 mil habitantes), Planaltina (477,85) e Sobradinho II (471,37) apresentaram os maiores percentuais.