Do Mais Brasília

Ex-secretários de saúde do DF são investigados por fraude em contratos de lavanderia

Rafael Barbosa e Elias Miziara, que ocuparam o cargo durante a gestão Agnelo Queiroz (PT) foram alvo da operação realizada pelo MPDFT

Os ex-secretários de saúde do Distrito Federal, Rafael Barbosa e Elias Miziara, que ocuparam o cargo durante a gestão Agnelo Queiroz (PT) foram alvos de uma operação deflagrada na manhã desta sexta-feira (4/6) pelo Ministério Público do DF (MPDFT).

Ao todo foram cumpridos 22 mandados de busca e apreensão no DF e em outros quatro Estados (SP, MA, PR, SC) contra irregularidades nas contratações emergenciais de empresas de lavanderia.

As investigações revelaram que, a despeito da existência de procedimento de contratação regular de lavanderia hospitalar em andamento, os membros do grupo criminoso forjaram situação de calamidade para justificar a dispensa do procedimento licitatório e direcionar a contratação de empresas integrantes do grupo.

A ação foi nomeada “Dinheiro Sujo” e é realizada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).