Do Mais Brasília

Feriado: foram 35 pessoas presas e 25 acidentes nas rodovias do DF

No total foram realizados mais de 400 testes de alcoolemia

Foto: PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou entre os dias 12 de novembro até 15 de novembro de 2021 a Operação Proclamação da República para reforçar o policiamento e a fiscalização durante o feriado prolongado.

A ação aconteceu com o objetivo de aumentar a segurança viária, reduzindo o número de acidentes e combatendo o crime nas rodovias federais do DF e Entorno.

No total foram realizados mais de 400 testes de alcoolemia, onde destes 11 pessoas foram presas por apresentarem o valor acima de 0,33 mg/L de ar alveolar, configurando o crime de trânsito de dirigir embriagado.

Outras 24 pessoas foram detidas pela PRF por diversos outros crimes, entre eles, no sábado (13), na BR 020, um homem foi preso por ter um mandado de prisão pendente de cumprimento por crimes sexuais e estupro de vulnerável. Na segunda-feira (15), um homem de 50 anos foi preso na BR 040 por porte ilegal de arma de fogo.

Para evitar a violência no trânsito, os policiais intensificaram a fiscalização abordando 1.112 veículos e 1.717 pessoas. Foram lavrados 1030 autos de infrações, sendo 82 por ultrapassagens indevidas, ação responsável por cerca de 30% das mortes em acidentes de trânsito dos últimos anos.

Foram multados 53 veículos que ou o condutor ou o passageiro estavam sem cinto de segurança, e outros 35 veículos por transportar crianças sem o dispositivo de retenção.

Em relação aos acidentes de trânsito, ocorreram 25 acidentes nas rodovias que cortam o DF e o Entorno, que deixaram 27 pessoas feridas e 03 vítimas fatais.

Em comparação com o ano retrasado, já que no ano passado não teve feriado nessa data comemorativa por ser um domingo, no período de 14/11/2019 a 17/11/2019, ocorreram 27 acidentes, sendo que 3 desses acidentes com 05 vítimas fatais e 43 pessoas feridas.

Houve então uma redução em 7% no número de acidentes de trânsito, 37% de redução de pessoas feridas e uma redução de 40% de vítimas fatais.

Dos acidentes fatais, dois ocorreram no dia 12/11, sexta-feira, sendo um na BR 080 em Brazlândia/DF e outro na BR 020 km 142 em Alvorada do Norte/GO, um atropelamento de pedestre por um ônibus. O terceiro acidente ocorreu no domingo, dia 14/11, na BR 020, próximo ao município de Posse/GO.

Dirigir sob a influência de álcool é um crime previsto no Artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro, se o teor do teste for superior a 0,33 mg de álcool por litro de ar alveolar, ou se o motorista apresenta sinais e sintomas de embriaguez e se recusa ao teste.

A pena é de detenção de seis meses a três anos, multa e suspensão da habilitação. A multa tanto para qualquer índice positivo de embriaguez ou recusa ao teste é de R$ 2934,70 e o condutor pode ter o direito de dirigir suspenso por até 12 meses. Em caso de reincidência em 12 meses, o valor dobra.