Da redação
Do Mais Brasília

Motoristas são flagrados dirigindo embriagados em Ceilândia e Taguatinga

Nos dois casos os condutores se envolveram em acidentes de trânsito

Duas pessoas foram flagradas dirigindo embriagadas na noite dessa sexta-feira (11/06) após se envolverem em acidentes de trânsito. Os casos ocorreram em Ceilândia e Taguatinga, entre às 19h50 e às 22h40.

Nos dois casos os condutores foram presos pela Polícia Militar do Distrito Federal e vão responder por crime de trânsito.

Ceilândia

Um homem de 37 anos foi preso por embriaguez ao volante após se envolver em um acidente com outros dois carros no conjunto B da QNP 15, no P Norte.

Segundo a PMDF, o motorista do automóvel Ford KA, cor preta, apresentava visíveis sinais de embriaguez. Ele se recusou fazer o teste do bafômetro e foi autuado. Ainda de acordo com a corporação, o carro não era licenciado e foi conduzido por guincho ao depósito do Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF).

O condutor do veículo Fiat/Fiorino, também envolvida na colisão, não quis realizar o teste e foi notificado pela recusa do procedimento. O terceiro envolvido, que dirigia um Fiat/Siena, fez e teste e o resultado foi negativo para a ingestão de bebida alcoólica.

Um vídeo de câmeras de segurança próximas ao local mostrou o momento em que a Fiorino atinge o  Siena em alta velocidade e capota.

Todos os envolvidos foram encaminhados para a 15ª Delegacia de Polícia (Ceilândia Centro).

Taguatinga

Em Taguatinga, uma mulher de 42 anos foi presa por embriaguez ao volante após bater com o carro contra uma loja. O caso ocorreu por volta das 22h30, na QNE 23.

Ao chegar ao local, os militares encontraram a motorista do carro, próxima ao local do acidente, com as chaves na mão. Aos militares a mulher afirmou que confundiu os pedais do freio e acelerador. A mulher confessou à polícia que fez ingestão de bebidas alcoólica.

Mulher atinge loja comercial em Taguatinga Norte. Foto: Divulgação/PMDF

O teste do bafômetro foi realizado e acusou 1,34 miligramas de álcool por litro de ar expelido. A mulher foi autuada por crime de trânsito.

A dona da loja esteve no local e ambas foram para a 12ª DP (Taguatinga Centro). O veículo foi removido ao Detran-DF.