Do Mais Brasília

PCDF divulga foto de suspeito de triplo homicídio no DF

Homem seria o responsável por matar com golpes de faca e tiros pai e filhos; no local do crime foram encontradas as digitais do foragido

A Polícia Civil do DF identificou o homem suspeito de ser o autor do triplo homicídio ocorrido em uma chácara no Núcleo Rural Alexandre Gusmão, em Ceilândia, na madrugada dessa quarta-feira (9/6). De acordo com a corporação, Lázaro Barbosa de Souza, de 33 anos, é um homem perigoso e seria “autor de crimes bárbaros”. Ele responde por homicídio qualificado na Bahia e também é foragido por outros dois crimes de roubo.

Para a PCDF, Lazáro é o responsável por matar com golpes de faca e tiros Cláudio Vidal, de 48 anos, e dos dois filhos, Gustavo Vidal, de 21, e Carlos Eduardo Vidal, de 15. No local do crime foram encontradas as digitais do foragido.

Pai e filhos foram encontrados mortos dentro de casa. A e e esposa das vítimas, Cleonice Marques de Andrade, de 43 anos, está desaparecida.

Em coletiva na tarde dessa quarta-feira (9/6), a PCDF deu detalhes do crime. Segundo a investigação, tudo ocorreu por volta das 2h. Segundo o depoimento de uma das testemunhas, um parente das vítimas, a mulher chegou a mandar um áudio sussurrando, avisando que uma pessoa estava tentando entrar na casa e pedindo para chamar a polícia.

Ainda de acordo com a polícia, o irmão da vítima contou na delegacia que chegou no local em cerca de 10 minutos e encontrou a casa arrombada e os filhos sem vida. Ferido mas ainda respirando, o pai teria dito que o suspeito tinha levado Cleonice. Para a Polícia Civil Cleonice pode ter sido sequestrada pelo criminoso após os assassinatos.

Durante todo o dia, policiais civis e miliares, além de bombeiros fizeram buscas pela região na tentativa de localizar a mulher. Foram usados drones e cães farejadores, mas Cleonice não foi encontrada.

A 24ª Delegacia de Polícia segue com a investigação e pede que quem tiver informações sobre o paradeiro de Lázaro ou de Cleonice entre em contato pelo telefone 197.

Outros crimes

De acordo com a PCDF, Lázaro Barbosa também é investigado pela Delegacia de Atendimento a Mulher (Deam II), em Ceilândia, por um roubo seguido de estupro na região do Sol Nascente. O crime foi cometido em abril deste ano. O homem  ainda é suspeito de assaltos em outras chácaras no DF e em Goiás.