Do Mais Brasília

PMDF resgata mulher que teria sido feita refém por autor do triplo homicídio em Ceilândia

Chácara onde mulher foi encontrada fica próxima ao local dos assassinatos cometidos nesta quarta-feira (09/06)

A Polícia Militar do Distrito Federal resgatou uma refém no Incra 9, em Ceilândia, nesta quinta-feira (10/6). A mulher afirma que o homem que a atacou seria o mesmo autor do triplo homicídio cometido nesta quarta-feira (9/6): Lázaro Barbosa de Sousa, de 33 anos.

De acordo com a PMDF, Lázaro entrou no local, rendeu a filha do proprietário e o caseiro. O suspeito roubou uma quantia indefinida de dinheiro da vítima, e a obrigou a fazer almoço. Enquanto assistiram ao noticiário, ele teria comentado sobre o triplo homicídio, e fugiu por volta das 15h.

Além do testemunho da vítima, a chácara onde ela foi encontrada, no Núcleo Rural Alexandre Gusmão, fica próxima do local onde Cláudio Vidal de Oliveira, 48 anos, Gustavo Marques Vidal, 21, e Carlos Eduardo Marques Vidal, 15, foram assassinados.

Depois do triplo homícidio, Lázaro também teria sequestrado Cleonice Marques de Andrade, de 43 anos, esposa de Cláudio. Até o momento, ela não foi localizada pela polícia.

A Polícia Civil do Distrito Federal pede auxílio da população para encontrar Cleonice. Qualquer pista que possa ajudar a encontrá-la pode ser informada, de forma anônima, pelo site da PCDF ou pelo disque 197.

Ele está vestido com uma calça preta, um moletom preto com chapéu aba larga (tipo de pescador). Várias viaturas da PMDF e PMGO seguem na busca.