Do Mais Brasília

Polícia Civil cumpre maior operação e prende 405 pessoas em cinco dias no DF

Operação Full Time começou a ser realizada na última segunda-feira (4/10)

Complexo da Polícia Civil (PCDF)
Complexo da Polícia Civil do Distrito Federal. Foto: Lúcio Bernardo Jr/Agência Brasília

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) realizou, durante a semana, a Operação Full Time, que resultou no cumprimento de 405 mandados de prisão na capital federal do país. Segundo o diretor-geral da PCDF, Robson Cândido, é a maior ação já feita pela corporação.

A informação foi dada durante coletiva de imprensa promovida no Complexo da Polícia Civil, nesta sexta-feira (8/10). A operação policial, que começou na última segunda-feira (4/10), contou com a participação de 1.500 pessoas.

“Esse número para nós é um número recorde, levando em conta os números estatísticos no Distrito Federal. Hoje, são os melhores números em termos de redução de criminalidade, e este trabalho desenvolvido pela Polícia Civil durante essa semana ajuda e muito a reduzir ainda mais as manchas criminais no DF”, afirma Robson Cândido.

Segundo o diretor-geral da PCDF, a Secretaria de Segurança Pública do DF (SSP) fará um estudo para saber se essas prisões feitas vão reduzir a criminalidade nas regiões administrativas do Distrito Federal. “A gente entende que reduz a perspectiva útil de crimes, especialmente, crimes graves e violentos contra a vida, principalmente, latrocínio, seja consumado ou tentado”, relata.

Ação em Sobradinho II

Foto: Divulgação/PCDF

Uma das prisões que ocorreram durante essa semana, foi feita pela 35ª Delegacia de Polícia, em Sobradinho II, que prendeu em flagante nove pessoas por envolvimento com tráfico de drogas, roubos e outros crimes.

Dentre os presos, destaca-se uma organização criminosa formada por homens e mulheres que vinham realizando assaltos na região de Sobradinho II, pelo menos três roubos foram atribuídos ao grupo.

Durante a ação, além da prisão de traficantes e assaltantes, foi possível identificar vários outros autores de furtos e roubos na cidade.