Da redação
Do Mais Brasília

Polícia prende homem que confessou ter matado a radialista Evelyne Ogawa

Vinícius Camargo, de 31 anos, era procurado por feminicídio. Ele se entregou durante a tarde desta segunda-feira (29), acompanhado de advogado.

Polícia prende assassino confesso de radialista, que estava foragido

O acusado de assassinar a radialista Evelyne Ogawa, 38 anos, se apresentou na 26ª Delegacia de Polícia (Samambaia Norte), na tarde desta segunda-feira (29), e foi preso. Vinícius Fernando Silva Camargo, 31, estava foragido da Justiça desde domingo (28), após estrangular a companheira com um fio elétrico. O caso é tratado como feminicídio.

Evelyne foi morta na noite de sexta-feira (26) estrangulada com um fio. Após confessar o feminicídio à polícia, agentes foram até o apartamento, que estava trancado, e encontraram o corpo da radialista e apresentadora de TV. Ela deixa um filho de 7 anos. V

A Justiça do Distrito Federal havia decretado a prisão preventiva – por tempo indeterminado – de Vinícius. No sábado (27), ele chegou a se apresentar voluntariamente na delegacia, onde confessou o assassinato da namorada Evelyne, mas foi liberado em seguida.

Nesta segunda-feira (29), ele chegou na delegacia acompanhado de dois advogados e recebeu voz de prisão. Em seguida, ele foi levado para a carceragem do Departamento de Polícia Especializada (DPE).

A investigação está a cargo da 32ª DP.