Da redação
Do Mais Brasília

Brasília ganhará Rota do Rock

Expectativa é que o novo roteiro turístico esteja disponível no formato digital já em abril, mês em que a cidade completa 61 anos

Projeto lançado pela Setur-DF em parceria com a UPIS busca oferecer a experiência única de conhecer Brasília pelo olhar

Famosa por revelar bandas que ganharam projeção nacional, como Legião Urbana, Plebe Rude, Raimundos, Natiruts, Capital Inicial, Detrito Federal, Maskavo e Scalene, entre outros, além de Cássia Eller, Brasília ficou conhecida no cenário musical do país como a capital do rock.

Diante desse cenário cultural, a Secretaria de Turismo (Setur-DF) está estruturando a Rota Brasília Capital do Rock, projeto inédito elaborado em parceria com a faculdade União Pioneira de Integração Social (Upis) e curadoria do vocalista da Plebe Rude, Philippe Seabra. O projeto foi lançado na última terça-feira (23), no Salão Nobre do Palácio do Buriti.

A proposta é oferecer aos moradores e visitantes uma experiência única de conhecer Brasília pelo olhar deste estilo musical já consagrado na história da cidade. A expectativa é que a rota Brasília Capital do Rock esteja disponível no formato digital já em abril, mês em que capital completa 61 anos.

 

Secretária de Turismo do DF, Vanessa Mendonça e Kiko Peres (Natiruts)

Para a estruturação da rota, a Setur-DF mapeou aproximadamente 30 pontos que fazem parte da história do Rock de Brasília. Regiões como o Parque Vivencial II, local do “Rock na Ciclovia”, no Lago Norte; e a SQS 104 Sul, quadra onde os Paralamas do Sucesso moravam; o Cave, no Guará, local do primeiro show da Legião Urbana em Brasília; e o Teatro Rolla Pedra em Taguatinga, estão entre os locais que serão visitados.

Memória afetiva para muitos moradores e descoberta para os turistas, que ao percorrer a rota, acabam impulsionando toda a cadeia produtiva, seja movimentando o setor hoteleiro, utilizando os transportes, estendendo o passeio a um restaurante ou ainda conhecendo tantos outros atrativos da capital.