FolhaPress

Bahia abre dois de vantagem, Bragantino vira e jogo termina no empate

Resultado deixa ambos os clubes com quatro pontos, atrás somente do Atlético-GO

Foto: Divulgação

Bahia e Red Bull Bragantino fizeram um grande jogo na noite deste sábado (5), pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, que terminou com empate em 3 a 3.

Fora de casa, o time tricolor abriu dois gols de vantagem no começo do jogo, mas tomou a virada no meio do segundo tempo. Sem desistir, o time ainda igualou o marcado perto do fim do jogo. O resultado deixa ambos os clubes com quatro pontos, atrás somente do Atlético-GO.

O jogo começou muito movimentado, e o VAR demorou menos de dois minutos para aparecer, anulando o gol de Artur, que, no entanto, fez valer a “Lei do Ex” aos 21 minutos da primeira etapa.

Antes disso, Gilberto brilhou. O camisa 9 balançou as redes duas vezes. Mas a vantagem durou só até o intervalo. O time da casa voltou com tudo para a segunda etapa e empatou aos 4, com Lucas Cândido e virou aos 22, com Cuello.

Perto do fim, no entanto, Jonas deixou tudo igual mais uma vez.

As duas equipes voltam suas atenções agora para a Copa do Brasil, pois entram em campo já na quarta-feira (12). Às 16h, o Bahia receberá o Vila Nova, com a vantagem de ter ganho na ida por 1 a 0.

Mais tarde, às 21h30, o Bragantino tentará reverter a vantagem de dois gols que o Fluminense conquistou no Rio de Janeiro.

 

RED BULL BRAGANTINO

Julio Cesar; Aderlan, Léo Ortiz, Natan e Luan Cândido; Jadsom (Eric Ramires), Luccas Evangelista e Pedrinho (Alerrandro); Artur, Ytalo e Cuello. T.: Maurício Barbieri

 

BAHIA

Mateus Claus; Renan Guedes, Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Thaciano (Óscar Ruiz), Matheus Galdezani (Jonas) e Patrick (Lucas Araújo); Rossi (Maycon Douglas), Rodriguinho (Alesson) e Gilberto. T.: Dado Cavalcanti

 

Estádio: Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)

Árbitro: Vinicius Gomes do Amaral (RS)

Auxiliares: Rafael da Silva Alves e Mauricio Coelho Silva Penna (RS)

Cartões amarelos: Pedrinho e Jadsom (RBB); Matheus Galdezani, Edson, Jonas e Lucas Araújo (BAH)

Gols: Gilberto (BAH), aos 15′ e aos 18′, e Artur (RBB), aos 21’/1ºT; Luan Cândido (RBB), aos 4′, Cuello, aos 22′ (RBB), e Jonas (BAH), aos 40’/2ºT