FolhaPress

Vasco tem gol revisto mesmo sem VAR e avança na Copa do Brasil com empate

Jogo ficou paralisado após reclamações por um toque da bola no braço do atacante cruzmaltino

Em jogo de arbitragem bastante polêmica, o Vasco avançou para as oitavas de final da Copa do Brasil com um empate em 1 a 1 com o Boavista nesta quarta-feira (9), em São Januário.

A equipe do Boavista saiu na frente, ainda no primeiro tempo, com Michel Douglas. Já no início da segunda etapa, Gabriel Pec anotou o que seria o gol de empate do Vasco, foi quando teve início uma confusão na partida.

Os visitantes reclamaram de um toque de mão de Germán Cano no lance do gol. Nessa etapa do torneio, no entanto, não há auxílio do VAR (árbitro de vídeo) para rever irregularidades. Mesmo assim, depois de quatro minutos de ter confirmado o gol, o árbitro José Mendonça voltou atrás e anulou o tento.

A decisão gerou revolta dos vascaínos, que conseguiram o empate de fato pouco depois, em gol de Cano, aos 26 minutos. O time de Marcelo Cabo havia vencido o jogo de ida da terceira fase da competição por 1 a 0, em Bacaxá (RJ), e por isso tinha a vantagem de atuar por uma igualdade no placar.

Agora o Vasco vira a chave novamente para a Série B e encara, neste sábado (12), o Brasil de Pelotas, no Rio Grande do Sul, pela terceira rodada. O time cruzmaltino ainda não venceu na competição.

Já o Boavista foca agora na Série D, sua única competição na temporada até o fim do ano. O time da Região dos Lagos visitará, no domingo (13), o Santo André.

VASCO
Vanderlei, Léo Matos, Ernando, Ricardo Graça e Zeca; Michel (Romulo), Galarza (Bruno Gomes) e Sarrafiore (Marquinhos Gabriel); Léo Jabá (Figueiredo), Gabriel Pec (Morato) e Germán Cano. T. Marcelo Cabo

BOAVISTA
Ary (Kléver), Wisney (Caio Felipe), Gustavo Geladeira, Victor Pereira e Jean Victor; Douglas Pedroso, Jefferson Renan (Bull), Marion (Ralph), Michael Douglas; Ryan (Luis Felipe) e Marquinhos. T.: Leandrão

Estádio: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Hora: 16h30 (horário de Brasília)
Árbitro: José Mendonça da Silva Júnior (PR)
Auxiliares: Victor Hugo Imazu e Jefferson Cleiton Piva (PR)
Cartões amarelos: Sarrafiore (VAS); Bull e Gustavo Geladeira (BOA)
Gols: Michael Douglas (BOA) aos 12’/1ºT; Germán Cano (VAS), aos 26’/2ºT