Do Mais Brasília

Criança de 6 anos se recusa a tirar foto sem máscara e ganha R$ 180 mil por atitude

O caso aconteceu em Virgínia, nos Estados Unidos e viralizou nas redes sociais nesse fim de semana

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Uma criança de 6 anos que se recusou a tirar a máscara para fazer uma foto na escola e por conta dessa ação acabou conquistando, até o momento, o valor de R$ 180 mil reais.

O caso aconteceu em Virgínia, nos Estados Unidos e viralizou nas redes sociais nesse fim de semana. Mason Peoples seguiu à risca as orientações da mãe. Por conta da pandemia, a genitora disse ao pequeno que ele só poderia tirar a máscara de proteção para comer o lanche na escola.

Durante uma sessão de fotos em seu colégio, o fotógrafo disse para o garoto que ele poderia tirar a máscara para que fosse feito o registro. O menino então respondeu ao profissional: “minha mamãe falou para eu ficar o tempo todo de máscara e só tirar na hora de comer, quando não tiver ninguém por perto”. O fotógrafo então insistiu com a criança sob a alegação que seria tudo bem retirar o item para fazer a foto, mas o menino foi enfático em negar e dizer: “Não, mas minha mãe falou muito sério. Não posso”.

O fotógrafo respeitou o desejo do garoto e fez o registro com a máscara. A foto foi publicada nas redes com a reprodução do diálogo.

Vaquinha pela atitude

Após o episódio, o menino passou a ser visto como referência infantil em protocolos de prevenção de Covid-19.

Usuários das redes sociais perguntaram para a mãe da criança se poderiam doar dinheiro para que ele fosse recompensado por sua conduta.

A genitora então criou uma “vaquinha” on-line para pagar futuramente a faculdade de Mason. Até o domingo (3/10), 1.600 pessoas já haviam doado mais de 33 mil dólares (o equivalente a cerca de 180 mil reais).