Da redação
Do Mais Brasília

Após confronto, indígenas se concentram na frente do anexo 02, da Câmara dos Deputados

Segundo a Polícia MIlitar do Distrito Federal (PMDF), a manifestação segue de forma pacífica

Cerca de 400 indígenas se concentram na frente do anexo 02, da Câmara dos Deputados, na manhã desta quarta-feira (23/6). Lideranças negociam com representantes da casa para participarem dos debates do Projeto de Lei 490/2007, na pauta da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). O PL institui medidas vistas pelas entidades indígenas como retrocessos.

Segundo a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), a manifestação segue de forma pacífica. A corporação afirmou que foi acionada para dar apoio apenas na área externa.

Os índios se reuniram na manhã e seguiram pela via S1, que precisou ser fechada.

Confronto

Nessa terça-feira (22/6), indígenas e policiais legislativos e militares do Distrito Federal entraram em confronto. A confusão teve início entre os anexos 2, 3 e 4 da Câmara dos Deputados.

Um policial militar foi atingido por uma flechada no pé. Já outro policial legislativo recebeu uma fechada na perna. Ambos foram socorridos e passam bem.

As polícias utilizaram bombas de efeito moral e gás lacrimogêneo para dispensar os manifestantes.